Carbono Galeria - A força do mar que mora em nós - A - Sandra Cinto

Carbono Galeria

Edições contemporâneas

< <

Sandra Cinto

Santo André, 1968 | Vive e trabalha em São Paulo

Ao longo de sua carreira, Sandra Cinto tem desenvolvido um rico vocabulário de símbolos e linhas para criar paisagens líricas e narrativas entre fantasia e realidade. Usando o desenho como ponto de partida, a... veja mais

A força do mar que mora em nós - A
Joia
Técnica
ouro amarelo 18 kilates, cordão de couro natural grego
Dimensões

( A x L)  11 x 4 cm
Data
2016
Edição
18 + 2PA

A joia-escultura foi criada pela artista exclusivamente para a ONG Américas Amigas. 100% do arrecadado nas vendas será destinado à compra e manutenção de mamógrafos em hospitais públicos.

 

"Proponho desenvolver um 'colar' que fique na altura do colo, na região próxima aos seios e do coração e que poderá ser usado por mulheres de todas as idades.Uma peça simples, delicada mas que guarda em si o desejo de “transbordar” de amor, força e coragem .

 

Nos últimos anos tenho pensado e trabalhado a Água como elemento transformador e de renovação. A água está sempre em movimento, ela limpa, cura, revigora, alimenta, é usada em todas as religiões como rito de passagem.

 

Decidi traduzir para a linguagem do metal  em forma de uma jóia  a representação gráfica do Mar. Ao usar um colar com a imagem do mar, pudéssemos nos lembrar da força interna que toda mulher tem dentro de si, uma força que gera, alimenta, cuida, transforma e transborda.”   Sandra Cinto

 

Mais obras deste artista
  1. A força do mar que mora em nós - B
Biografia

Santo André, 1968 | Vive e trabalha em São Paulo

Ao longo de sua carreira, Sandra Cinto tem desenvolvido um rico vocabulário de símbolos e linhas para criar paisagens líricas e narrativas entre fantasia e realidade. Usando o desenho como ponto de partida, a artista frequentemente dialoga com arquitetura evocando paisagens fantásticas que servem como uma metáfora da odisseia humana e também extrapolando os limites e possibilidades do desenho. A artista trabalha também com escultura, instalação, fotografia e gravura.

Formada em artes plásticas, Sandra começa sua carreira em 1990, quando ainda era estudante, produzindo representações do céu e das nuvens inspiradas no surrealista René Magritte. Seu estilo único funde o poder visual e estética poética para criar composições que fazem alusão à mitologia. Sua prática artística é caracterizada por obras delicadas, onde ela normalmente desenha à caneta sobre um fundo amplo, geralmente azul. Em 1998, a artista participou de 24ª Bienal de São Paulo, onde a tela não era um suporte convencional, e sim a parede do próprio prédio.

Em Imitação da água, em 2010, no Instituto Tomie Ohtake com curadoria de Jacopo Crivelli Visconti, a artista criou uma obra in loco com imagens de água, tema que ela usa com frequência em seus trabalhos. Sandra também usa objetos e esculturas como meio de expressão, como em Ilha, de 2008, que consiste em uma mesa cercada por centenas de barcos de papel no chão.

Suas obras fazem parte de importantes coleções, tais como: Fundación ARCO, em Madri; Instituto Inhotim, em Brumadinho; Institute of Contemporary Art, em Boston; entre outras. Entre suas exposições individuais mais recentes estão: Two forces, Tanya Bonakdar Gallery, Nova York; Acaso e Necessidade, Casa Triângulo, São Paulo; Sandra Cinto: Chance and Necessity, na West Gallery, USF Contemporary Art Museum, Tampa, Florida; todas em 2016. A Day in Eternity, curadoria de Yuki Kondo, Aomori Contemporary Art Center, Aomori, Japão; En Silencio, curadoria de David Barro, Matadero - Centro de Creación Contemporánea, Madri, Espanha; La otra orilla, curadoria de David Barro, Centro Atlántico de Arte Moderno, Ilhas Canárias, Espanha (2014); Encontro das Águas, Olympic Sculpture Park Pavilion, Seattle Art Museum, Seattle, EUA (2012-2014); entre outros.

 

Galerias Representantes
Destaques da Carreira

La otra orilla, curadoria de David Barro, Centro Atlántico de Arte Moderno, Ilhas Canárias, Espanha, 2014

Vista da exposição  Acaso e Necessidade, Casa Triângulo, São Paulo, Brasil, 2016

Encontro das Águas, 2012, Olympic Sculpture Park Pavilion, Seattle Art Museum, Seattle, EUA

Passage: A Day in Eternity, curadoria de Yuki Kondo, Aomori Contemporary Art Center, Aomori, Japão, 2015

Em Silêncio II, curadoria de David Barro, Fundación Luis Seoane, A Corunha, Espanha, 2014

   
  1. Todas as categorias
       
    1. Todas as categorias
    2. Carbono Voucher
    3. Desenho
    4. Escultura
    5. Fotografia
    6. Gravura
    7. Instalação
    8. Joia
    9. Objeto
    10. Pintura
    11. Relevo de parede
    12. Serigrafia
    13. Vídeo
  2. Artistas A-Z
       
    1. Menor valor
    2. Maior valor
    3. Obras A-Z
    4. Obras Z-A
    5. Artistas A-Z
    6. Artistas Z-A
    7. Maior tamanho
    8. Menor tamanho
  3. Acervo completo
       
    1. Acervo completo
    2. A palavra palavra
    3. A Pegada Pop
    4. Art Rio 2014
    5. ArtRio 2015
    6. Cinéticos e Construtivos
    7. Curadoria Agnaldo Farias
    8. Curadoria Maria Montero
    9. Curadoria Paulo Venancio Filho
    10. Dia de doar
    11. Dia dos namorados
    12. Dublê de corpo
    13. Instituto Reciclar
    14. Lançamentos
    15. Lembre-se de lembrar
    16. Lista Casamento Caroline Cordeiro e Fernando Rocha
    17. Lista de Casamento Fabiana e Cristian
    18. Lista de casamento Gabriella e Thiago
    19. Múltipla de Múltiplos
    20. Myxathesys
    21. Nazareno
    22. O importante, minha filha, é nunca tirar a mão do barro
    23. O tempo e os tempos
    24. Releituras da natureza-morta
    25. Sp Arte 2014
    26. Sp Arte 2017
    27. SP Arte Foto 2015
    28. Universo
    29. Variações
  4. Visualizar
       
 
  1. Sem título

    Angelo Venosa

    Escultura

    Técnica acrílico

    ( A x L x P)  26 x 33 x 25 cm
    Data 2013
    Edição 30

  2. Sem título

    Artur Lescher

    Escultura

    Técnica porcelana e couro

    ( A x L x P)  60 x 6 x 25 cm
    Data 2013
    Edição 30

  3. Sem título

    Carlos Vergara

    Fotografia

    Técnica impressão sobre placas de poliestireno recortadas e montadas

    ( A x L)  63 x 65 cm
    Data 2013
    Edição 10

  4. Sem título

    Iole de Freitas

    Escultura

    Técnica aço inox e policarbonato

    ( A x L x P)  70 x 35 x 20 cm
    Data 2013
    Edição 10