Carbono Galeria - Sem Título - Maria Nepomuceno

Carbono Galeria

Edições contemporâneas

< <

Maria Nepomuceno

Rio de Janeiro, 1976 | Vive e trabalha no Rio de Janeiro, Brasil.

 

A obra de Maria Nepomuceno é composta por formas orgânicas realizadas com cordas, contas e linhas, que constroem esculturas e instalações fantásticas.

Seu trabalho é um reflexo... veja mais

Sem Título
Escultura
Técnica
cerâmica vermelha, fibra de vidro e resina
Dimensões

( A x L x P)  50 x 20 x 30 cm
Data
2015
Edição
10 + 2PAs

Na edição de Maria Nepomuceno para a Carbono, há um jogo de dentro e fora, de gravidade e de questionamento da natureza da matéria. O barro é bastante explorado nas esculturas e instalações da artista e faz referência à produção manual e indígena brasileira. Além disso, a própria forma da peça de barro e sua aparente continuidade – seccionada pela parede – pode nos levar a pensar na seiva que caminha das raízes para o tronco e ramos vegetais. Uma natureza que parece paralisada por um instante fotográfico, mas que pode se mover a qualquer momento.

A obra acompanha certificado numerado e assinado pela artista.

Biografia

Rio de Janeiro, 1976 | Vive e trabalha no Rio de Janeiro, Brasil.

 

A obra de Maria Nepomuceno é composta por formas orgânicas realizadas com cordas, contas e linhas, que constroem esculturas e instalações fantásticas.

Seu trabalho é um reflexo da convivência do corpo entre a cidade e a natureza no Rio de Janeiro. 

 

Suas esculturas evocam a natureza em várias formas: plantas, raízes, seivas, o sistema circulatório feminino e masculino, etc.  A escolha dos materiais é feita a partir de referencias indígenas, brasileiras e típicas.

 

Um objeto muito interessante produzido pela artista inúmeras vezes é a rede de dormir. Esta, segundo a artista “reúne as forças centrais de meu trabalho: tensão, relaxamento, movimento e afeto.” Nepomuceno levou uma de suas redes à tribo Huni Kuin, no Acre,  com a intenção de promover o retorno do abjeto às suas origens, e ver qual seria a reação das pessoas ao ver um objeto tão familiar, mas muito diferente do que eles produzem.

 

Destacam-se as exposições Trans, realizada na Galeria Victoria Miro em Londres, Saudades da Pintura, na Gentil Lá no Rio de Janeiro, Tempo para Respirar, no MAM RJ e no Turner Contemporary UK, Pulso, na Fundação Eva Klabin RJ, The Force, na Victoria Miro Gallery em Londres. Suas obras estão presentes em importantes coleções como a do Museu de Arte Moderna MAM – RJ; Magasin 3 – Stockolm Konsthall;  Museu de Arte Moderna – Bahia; Rubell Family Collection; Museu de Arte Contemporânea MAC, Niteroi – RJ;  Tiroche de Leon collection; Catherine Petitgas Collection e Jose Olympio Collection.

 

Galerias Representantes
Destaques da Carreira

Pulso, exposição realizada em 2012, na Fundação Eva Klabin.

Exposição Trans, na Galeria Victoria-Miro, em Londres.

Trans, na Galeria Victoria-Miro realizada em 2014 em Londres.

   
  1. Todas as categorias
       
    1. Todas as categorias
    2. Carbono Voucher
    3. Desenho
    4. Escultura
    5. Fotografia
    6. Gravura
    7. Instalação
    8. Joia
    9. Objeto
    10. Pintura
    11. Relevo de parede
    12. Serigrafia
    13. Vídeo
  2. Artistas A-Z
       
    1. Menor valor
    2. Maior valor
    3. Obras A-Z
    4. Obras Z-A
    5. Artistas A-Z
    6. Artistas Z-A
    7. Maior tamanho
    8. Menor tamanho
  3. Acervo completo
       
    1. Acervo completo
    2. A palavra palavra
    3. A Pegada Pop
    4. Américas Amigas
    5. Art Rio 2014
    6. ArtRio 2015
    7. Cinéticos e Construtivos
    8. Curadoria Agnaldo Farias
    9. Curadoria Maria Montero
    10. Curadoria Paulo Miyada
    11. Curadoria Paulo Venancio Filho
    12. Dia de doar
    13. Dia dos namorados
    14. Dublê de corpo
    15. Instituto Reciclar
    16. Lançamentos
    17. Lembre-se de lembrar
    18. Lista Casamento Caroline Cordeiro e Fernando Rocha
    19. Lista de Casamento Fabiana e Cristian
    20. Lista de casamento Gabriella e Thiago
    21. Múltipla de Múltiplos
    22. Myxathesys
    23. Nazareno
    24. O importante, minha filha, é nunca tirar a mão do barro
    25. O tempo e os tempos
    26. Releituras da natureza-morta
    27. Sp Arte 2014
    28. Sp Arte 2017
    29. SP Arte Foto 2015
    30. Tão diferentes, tão atraentes
    31. Universo
    32. Variações
  4. Visualizar
       
 
  1. Sem título

    Angelo Venosa

    Escultura

    Técnica acrílico

    ( A x L x P)  26 x 33 x 25 cm
    Data 2013
    Edição 30

  2. Sem título

    Artur Lescher

    Escultura

    Técnica porcelana e couro

    ( A x L x P)  60 x 6 x 25 cm
    Data 2013
    Edição 30

  3. Sem título

    Carlos Vergara

    Fotografia

    Técnica impressão sobre placas de poliestireno recortadas e montadas

    ( A x L)  63 x 65 cm
    Data 2013
    Edição 10

  4. Sem título

    Iole de Freitas

    Escultura

    Técnica aço inox e policarbonato

    ( A x L x P)  70 x 35 x 20 cm
    Data 2013
    Edição 10